Compartilhe:

Quero ser feliz em 2018!

Em meio ao universo em que vivemos encontramos o glamour de quem é muito afortunado, e encontramos aqueles ao qual lutam para conseguir o que comer no seu dia-dia.

Por que poucos tem muito e muitos quase nada? Vejo que não é de agora essa realidade, se olharmos para a história sempre foi assim, poucos que vivem para conseguirem mais e mais e muitos trabalhando para conseguirem a cada dia colocar um pouco de comida sob a mesa e saciar as suas necessidades.

Em um mundo tão informatizado como em nossos dias, onde a comunicação se espalha na fração de segundos, por meio da internet e redes sociais, mesmo assim é inevitável que existem crianças e famílias no mundo que ficam a mercê do pão nosso de cada dia, literalmente sem comida, sem água, sem estrutura física e emocional para sobreviverem em seu habitat de costume.

Vejo Reinos e governantes democráticos a viverem de maneira glamorosa, estupenda, contagiante, realizam banquetes imensos para seus convidados, se movem com os melhores carros do ano, ou até mesmo aeronaves mais bem pagas do mundo, não sabem o que é terem dificuldades financeiras, mas seus governados necessitam por vezes tirar do lixo o sustento da própria família.

Nesse mesmo mundo em que vivemos encontramos aqueles favorecidos que ganham mais de trinta salários mínimos para viverem e esbanjarem, ao mesmo tempo vejo o aposentado que sobrevive com apenas um salário mínimo. Estes mesmos assoberbados procuram quando assim precisam de cuidados médicos os melhores hospitais de seus países, porém a população fica a mercê das sucatas “brancas”, hospitais a beira da falência, esse sim é o lugar da grande parte da população, com profissionais que não recebem seus salários em dia, ou não são valorizados financeiramente pelo que realizam.

Diariamente se houve falar nas milhões de pessoas desempregadas, mas isso não é problema para os governantes não é?!, pois é só aumentar os impostos que vamos continuar a manter nossas despesas federais, ou será que é diferente? Será que estes homens e mulheres que estão no poder da sociedade sabem realmente como é chegar em casa e ver o filho pedir por alimento ao pai ou a mãe e estes não terem mais nada a oferecer, pois não conseguiu trabalho mais uma vez.

É triste para não se dizer decepcionante, viver em meio há um mundo de grandes diferenças sociais, onde somos todos iguais perante o criador do universo, Deus! Mas sabem a ganância pelo poder e o dinheiro não é de agora, já vem de muito tempo, e só aumentou no decorrer da história da humanidade.

Se olhar para a Bíblia perceberá que Jesus foi trocado por trinta moedas de prata, talvez em nossos dias um pouco mais de Dez mil reais, aproximadamente, ou seja, a ambição pelo dinheiro não é de agora, o ser humano vem colhendo o que plantou a séculos atrás e percebemos que a situação só tende a piorar.

Mas estamos no começo de um novo ano, muitas coisas estão para acontecer, muitas para mudar, e só vai mudar se você realizar, pensar, agir diferente. Sei que dependemos de um sistema econômico que nos engloba financeiramente, porém, nossas atitudes hoje responderão no futuro de amanhã. Não troque suas convicções, valores morais ou étnicos por valores fraudulentos, não se venda!

Precisamos de homens e mulheres que sejam verdadeiros, que acreditam na justiça divina, pois ela não falha. Ensine valores aos seus filhos, diga não a injustiça, diga não a mentira, diga não a farsa, diga não as drogas, não se venda, não se troque por migalhas, pois você merece muito mais.

O que você quer hoje vai determinar o seu ponto de partida, e todos nós queremos no final de tudo é sermos FELIZES!

A felicidade não está na quantidade de dinheiro ou bens materiais, mas sim na tranqüilidade de espírito e da alma, viver em paz, é você poder abraçar a quem deseja e chorar com quem te ama de verdade.

O mundo fala o contrário, a lei da prosperidade fala ao contrário, mas te digo uma coisa o dono do universo, veio a este mundo sem nada, viveu sem nada, seu travesseiro por diversas vezes foi uma pedra e nos ensinou que precisamos “buscar em primeiro lugar o Reino dos céus, pois a demais vos seriam acrescentadas” (Mateus 6:33).

O que me é acrescentado?, e eu te digo, que Deus há de te dar tudo o que você precisar para viver, e até mais se necessário, se realmente em seu coração Ele for o primeiro.

Sabe o porquê das injustiças, fome, miséria, descaso pelos doentes, sofrimentos, angústias, o homem desde muito cedo trocou o amor Deus pela ambição no seu coração, trocou as promessas divinas pelas realizações passageiras desse mundo, colhemos o que plantamos.

A Felicidade nunca vai estar somente no que você adquirir, mas na família reunida em volta da mesa para se alimentar, juntos em oração agradecendo a Deus por mais um dia de vida, na confiança de que mais um dia tudo foi entregue aos cuidados do criador e mantenedor do universo.

Seja grato pelo que já tem, ame mais à Deus do que a seu dinheiro, saiba dar para depois receber, confie mais, acredite mais, tenha uma experiência diária com o criador e vá em busca de seus sonhos, pois Deus estará contigo, FELIZ 2018!

                                                                                                       Cleiton Reis

Deixe uma resposta